Faculdade Paranaense | FACCAR. Ensino Superior é Faculdade Paranaense

Curta a Página da FACCAR no Facebook Siga a FACCAR no Twitter Adicione o Perfil da FACCAR no Google+

Voltar para Página Anterior

Um pouco da nossa história

Nos idos de 1972, um grupo de pessoas obstinadas se reuniu com o propósito de criar em Rolândia uma instituição de ensino superior. Após algumas reuniões, no dia 31 de março de 1974, nasceu a AREC- Associação Rolandense de Ensino e Cultura, cujo objetivo maior era o de proporcionar ao público regional o ingresso ao ensino de 3o grau.

 

Em 20 de junho do mesmo ano o MEC- Ministério da Educação e Cultura - liberou o funcionamento da Faculdade de Ciências Contábeis e Administrativas de Rolândia, a FACCAR, cabendo à AREC- Associação Rolandense de Ensino e Cultura, a manutenção da instituição naquele momento criada. Era presidente da AREC o senhor Dr. Ivan Dutra e a instituição contou, na época, com o inestimável trabalho do Professor Algacyr Munhoz Maeder, membro do Conselho Federal de Educação.

 

Dr. Irineu Lovato, atualmente exercendo a profissão de Advogado em Rolândia, trabalhou como Diretor Adjunto de Ensino (vice-diretor) na Faculdade Paranaense por quinze anos, de junho de 1974 a junho de 1989.

 

As atividades de desenvolvimento da instituição como, contatos com o MEC, compra de material entre outros, segundo Irineu Lovato, eram unicamente tratadas pela Mantenedora AREC - Associação Rolandense de Ensino e Cultura, formada na época por Cândido Garcia, Flávio de Mello, Joaquim Camargo, Ivan Dutra e suas respectivas esposas. Desta maneira, restava à Diretoria cuidar da função acadêmica do estabelecimento.Na época, os alunos eram predominantemente de idade acima de 30 anos. Haviam alunos de toda a região: Porecatu, Apucarana, Alvorada do Sul, Florestópolis entre outros, com destaque ao grande número de alunos vindos de Londrina.

 

A Administração do Município de Rolândia, naquele tempo, procurou encontrar alguém que trouxesse uma Faculdade para a cidade. Isto ocorreu entre o final do mandato do Prefeito Pedro Scomparim e início da gestão de Orlandino de Almeida. Deste modo, a prefeitura doou o terreno e construiu a 1º ala do estabelecimento de ensino. Posteriormente Orlandino de Almeida, através da Lei 1.008/75 doou a Faccar 13.176,80 metros quadrados de área, suficientes para a expansão da instituição naquela ocasião.

 

A primeira formatura ocorreu em 1978 no Country Clube de Rolândia e a segunda no Cine Rolândia. No ano seguinte o cinema fechou e as formaturas tiveram que ser realizadas na Igreja Matriz. Hoje em dia são realizadas em clubes e ginásio em função do grande número de convidados que comparecem para prestigiar os formandos.

 

A grande dificuldade encontrada pela Faculdade Paranaense - FACCAR na época, foi a criação de novos cursos. Apesar de apresentar boa estrutura na biblioteca e um prédio em ótimo estado com professores graduados de toda a região (Londrina, Rolândia e Arapongas) a instituição só conseguiu abrir os cursos de Administração de Empresas e Ciências Contábeis, o que acabou prejudicando o desenvolvimento da FACCAR. No entanto, durante este período, todas as vagas eram preenchidas.Inicialmente com apenas dois cursos, Ciências Contábeis e Administração, a FACCAR foi crescendo ao longo dos anos, assim como cresceu também a estrutura física. Em virtude da grande demanda de interessados a FACCAR conseguiu junto ao MEC a instalação de mais um curso, Tecnologia em Processamento de Dados em 1994, e em seguida de mais dois outros cursos, Direito e Letras em 2000, todos já devidamente reconhecidos pelo MEC.

 

O Ministério da Educação, com a chancela do Ministro Paulo Renato Souza, concedeu em Portaria de nº 417, datada de 9 de março de 2001, a nova titulação para a FACCAR, tendo em vista o funcionamento de novos 3 cursos e que não condiziam mais com a antiga sigla. A partir desta data a FACCAR passou a ser conhecida então como FACULDADE PARANAENSE- FACCAR.

 

Hoje a Faculdade Paranaense possui 5 cursos de graduação em funcionamento: Administração, Ciências Contábeis, Direito, Letras e Tecnologia em Análise e Desenvolvimento de Sistemas, antigo Tecnologia em Processamento de Dados.

 

A Faculdade Paranaense conta ainda com 65 docentes, a grande maioria com títulos de mestres e/ou doutores.

 

Ao todo são mais de 800 alunos regularmente matriculados, além dos tantos outros que passam pela instituição para freqüentar um dos cursos de Pós Graduação lançados pelo DPGE - Departamento de Pós Graduação e Extensão da instituição anualmente.

 

Perto de 200 computadores estão distribuídos nos 4 laboratórios de informática disponíveis na instituição aos alunos. Além disso 43 salas de aula confortáveis e amplas, com sistema de som e ventilação, atendem as demandas dos cursos em andamento, bem como dos cursos de pós graduação.

 

Outro destaque da Faculdade Paranaense é a Biblioteca "Algacyr Munhoz Maeder", com ampla sala de leitura, 4 cabines de estudo em grupo e 12 cabines individuais, mantém um acervo de mais de 20 mil títulos e 40 mil volumes. Por este motivo, a FACCAR recebe diariamente visitas de estudantes de outras instituições e da comunidade regional. A instituição conta também com um amplo auditório com ar condicionado central e capacidade para 350 lugares.

 

A área total da instituição, que é mantida pela AREC, representa mais de 23 mil metros quadrados, com uma área construída de mais de 8 mil metros quadrados.

 

A Faculdade Paranaense procura crescer, mas não abre mão da qualidade e da tecnologia no ensino, pois almeja tornar-se um grande centro universitário.

 

A Faculdade Paranaense, em todos estes anos de história, contou com parcerias importantes que agregaram valor imensurável ao seu desempenho como instituição séria e competente na área de Ensino Superior Privado.

 

Destacam-se o convênio firmado em 1999 com a UFRGS - Universidade Federal do Rio Grande do Sul que ofereceu à toda a região Norte do Paraná o Mestrado em Ciências da Computação, e também a parceria interinstitucional com a PUC - SP Pontifícia Universidade Católica que firmou o Mestrado em Administração no ano de 2000.

 

Também no ano de 2000, fatos marcantes da Faculdade Paranaense evidenciam o grande sucesso desta instituição que faz parte da história do mundo. Mais de 860 candidatos participaram do primeiro vestibular realizado para os novos cursos de Direito e Letras aprovados pelo MEC.

 

Desde então, o passado da Faculdade Paranaense foi sendo construído com realizações notáveis dos novos cursos empreendidos e também dos cursos que a muito já reforçavam o conceito de instituição preocupada com o futuro.

 

Em 2001, a Faculdade iniciou o projeto de Extensão de Oratória Jurídica que obteve um grande prestígio em toda a comunidade.

 

Uma instituição de história marcante não deixaria de ressaltar as honras adquiridas com tanta dedicação e esforço de alunos e professores que tornaram reais as possibilidades de apresentações de trabalhos jurídicos no X Encontro Internacional de Direito da América do Sul, em Florianópolis - SC.

 

Foi no ano de 2001, que a Faculdade Paranaense comemorou o lançamento do primeiro curta metragem de animação criado pelo projeto "Núcleo de Animação" no curso de Tecnologia em Processamento de Dados. No mesmo ano, a faculdade passou por uma mudança significativa e promissora. Mudam os objetivos da instituição conforme as exigências do contexto mundial e com eles a logomarca da instituição após 27 anos de existência.

 

Esta importante modificação trouxe renovações positivas que acarretaram muito mais dinamismo e eficiente modernização da Faculdade Paranaense como instituição de Ensino Superior de qualidade.

 

A homepage da faculdade recebeu atualização completa apresentando características tecnológicas modernas seguindo o que a nova missão determinava e o curso de Tecnologia em Análise e Desenvolvimento de Sistemas foi totalmente reestruturado para atender às tendências do mercado e da evolução tecnológica.

 

No ano de 2003, mais precisamente no mês de março, foi inaugurado o EAJ - Escritório de Assistência Judiciária, que colocou definitivamente o Curso de Direito entre os mais preparados da região.

 

Em 2004 formam-se os primeiros bacharéis em Direito e com eles surge o Projeto Ônibus legal, uma parceria com a Viação Garcia, levando assistência e orientação jurídica às comunidades mais carentes. E hoje, início de 2009, pode-se contabilizar mais de 100 advogados atuando na região, sem contar tantos outros ocupando cargos públicos por terem passado em concursos graças ao que aprenderam no decorrer do curso de Direito.

 

Em 2005 surge o Projeto Luz Cidadã, que proporciona aos alunos do ensino fundamental da rede pública a inserção num mundo mais globalizado, com lições de cidadania, apresentação de vídeos e filmes infantis no anfiteatro, além de farta distribuição de brinquedos arrecadados entre os acadêmicos.

 

A Faccar chega então em 2009 para completar 35 anos de serviços prestados á comunidade. Esta é a Faculdade Paranaense, trazendo consigo uma história de persistência e trabalho para transformar o dia-a-dia dos futuros cidadãos do Paraná.

Nos idos de 1972, um grupo de pessoas obstinadas se reuniu com o propósito de criar em Rolândia uma instituição de ensino superior.
Rua Dom Pedro II, 400 | Jardim Horácio Cabral | CEP: 86604-160 | Rolândia / PR - Fone/Fax: 43 3255-8500.
Saiba o Horário de Atendimento da FACCAR

© 2006 - 2017 - Todos os direitos Reservados.
Faculdade Paranaense - FACCAR
Rua Dom Pedro II, 400 Rolândia, PR 86604-160